Situações de Angústia

SITUAÇÕES DE ANGÚSTIA

Lm 3.18-21 – Dona Glória era uma mulher rica e poderosa mandava e desmandava. Tinha tudo. Tudo mudou de repente. Seu marido adoeceu e começou a derrocada. Gastaram tudo. Dona Glória ficou sem sua glória! Como as coisas podem mudar assim de uma hora para outra. Como tudo pode estar bem num minuto e noutro, péssimo. Assim foi na história de Jeremias e Judá. Usado por Deus, Jeremias avisou a Judá da Sua ira, mas não o ouviram. O juízo veio. O mundo de Jeremias se desmoronou. O povo amado se tornou escravo. A cidade, seu grande orgulho, foi queimada. O templo, habitação de Deus e local de culto, fora destruído. Jeremias chora, lamenta e diz: “Então, disse eu: já pereceu minha glória, como também a minha esperança no Senhor”. Jeremias foi afetado na sua alma. Perdeu o Norte, e pior, perdera até a confiança no Senhor.
Meditaremos sobre: SITUAÇÕES INESPERADAS E ANGUSTIANTES.

Em 1º lugar veremos que diante de tais situações O REMÉDIO É ORAR – “Lembra-te da minha aflição e do meu pranto, do absinto e do veneno”. A oração tem sido negligenciada. Falamos pouco com Deus. Orar é difícil! Assistir a filmes longos e conversar com amigos não é difícil, mas orar…! A oração é exatamente o passo mais importante para vencer estas situações. A oração não move o coração de Deus, mas cura o coração do homem. Ao orar nós não fazemos Deus se lembrar de nós, mas fazemo-nos nos lembrar de Deus. Ore e se conscientize do cuidado divino. Esse é o primeiro passo para mudar a situação.

Outra realidade que o texto apresenta é que VALORIZAMOS DEMAIS OS PROBLEMAS – “Minha alma, continuamente, os recorda e se abate dentro de mim”. Você já percebeu como valorizamos as coisas ruins? Como contamos para tanta gente, e com tantos detalhes o acidente que vimos e como as pessoas sofreram? Jeremias fazia questão de relembrar, a cada minuto, todo o seu sofrimento. Por causa disso ficou amargurado. Olhando somente para o problema e para os detalhes da sua desgraça se esqueceu das razões que levaram àquela situação e culpou a Deus. Era necessário fazer algo. E ele fez. Veja a seguir.

Diante de tais situações É NECESSÁRIO ENCHER A MENTE DE COISAS BOAS – “Quero trazer a memória o que me pode dar esperança”. Se estiver caindo num poço e só olhar para baixo, verás apenas a escuridão, mas se olhares para cima, verás a luz e a saída. Este é o caminho ensinado por Jeremias. Ao invés de ficar sofrendo por vivenciar tais situações ele resolveu retirar seus olhos do problema. É necessário agir. É preciso levantar a cabeça e olhar para cima. Hb 12.1,2, nos ensina a olhar para o “Autor e Consumador da fé, Jesus”. Olhando para Ele as coisas mudam. Paulo, diz: “Enchei-vos do Espírito, falando entre vós com salmos, entoando e cantando de coração ao Senhor, hinos e cânticos espirituais”. Quer sair do poço? Então ore, tire os olhos dos problemas e encha o teu coração da esperança no Senhor. Aí você sairá. (Rev. Silas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *