Pequenas derrotas, grandes prejuízos.

pequenas derrotas

PEQUENAS DERROTAS, GRANDES PREJUÍZOS
Josué 7

Propósito Geral: Exortativo.
Assunto Específico: A derrota do exército de Josué para os homens de uma pequena vila.

Pano de fundo histórico:
a) Israel havia recém vencido duas grandes barreiras: atravessara o Rio Jordão em seco (numa época de muita chuva) e derrubaram as famosíssimas muralhas de Jericó, que haviam resistido aos invasores por mais de 400 anos.
b) A próxima campanha militar seria contra Ai, um pequeno vilarejo que, na visão dos espias, não demandaria mais que dois ou três mil soldados.
c) Mas perderam esta pequena batalha, numa derrota vergonhosa.
d) Josué, na qualidade de chefe de estado e chefe militar, poderia simplesmente ter enviado vinte ou trinta homens para resolver a questão, mas agiu de um modo surpreendente, como veremos abaixo.
c) A preocupação de Josué se encontra no versículo 9: “Ouvindo isto [sobre esta derrota] os cananeus e todos os moradores da terra, nos cercarão e desarraigarão o nosso nome da terra; e, então, que farás ao teu grande nome?”. Em outras palavras, se deixarmos esta pequena derrota assim, sem mais nem menos, todos os nossos adversários “crescerão” (tal como ocorre quando um grande time de futebol perde para um pequeno), as nossas futuras batalhas serão terríveis e correremos o risco de perder a terra prometida e envergonhar o nome de Deus.

– Quanto a nós, temos aceitado as pequenas derrotas como “coisas da vida”? Como fica, então, a afirmativa bíblica de que “em Cristo somos mais que vitoriosos”? Temos nos debruçado sobre as nossas pequenas derrotas para saber seus motivos?

IDEIA CENTRAL DO SERMÃO
AS PEQUENAS DERROTAS DE HOJE PODEM SE TRANSFORMAR EM GRANDES PREJUÍZOS AMANHÃ

– Como Josué resolveu esta questão? Como impediu que as pequenas derrotas viessem a se tornar grandes prejuízos?


1. ELES (JOSUÉ E SEUS GENERAIS) SE HUMILHARAM DIANTE DE DEUS (vs. 6).
# Ficaram de joelhos, por horas, com o rosto no pó, perguntando a Deus o motivo desta derrota.
(Como sabemos, Acã havia desobedecido a Deus e este pecado trouxe consequências ruins para todo o povo, mas Josué ainda não sabia de nada disso).


2. ELES OUVIRAM A VOZ DE DEUS (vs. 10 a 15).
# Deus revela a Josué que há um problema a ser resolvido, manda que ele se levante e, pela manhã, que faça uma busca para descobrir a verdade.


3. ELES OBEDECERAM IMEDIATAMENTE — E DEUS OS GUIOU NA BUSCA PELA VERDADE (vs. 16 a 22).
# Ao contrário das “revelacionices” que há por aí, Deus foi mostrando a Josué exatamente onde estava o problema, em linha reta, sem erros, sem “chutes”. Tudo que Deus faz é bom!

4. ELES SE DISPUSERAM A REMOVER O MAL, POR MAIS PENOSO QUE FOSSE (vs. 23 a 26).
# Nunca é fácil extirpar o pecado, cortar o mal pela raiz.
# Mas a ordem de Deus era implacável: Santifica o povo, senão esta pequena derrota vai trazer grandes prejuízos para o povo.

Conclusão
Diante das pequenas derrotas “da vida”, podemos fazer vistas grossas ou fazer como Josué, mas de uma coisa temos que ter consciência: As pequenas derrotas de hoje podem se transformar em grandes prejuízos amanhã.

Por outro lado, a santificação de hoje podem significar que Deus, amanhã, “fará maravilhas no meio de vós”.

Deus seja louvado!


Autoria: Pr Franco
Data: 12.12.2013