O amor é um dever cristão genuíno

o amor é um dever cristão genuíno

O AMOR É UM DEVER CRISTÃO GENUÍNO
I João 4.7-12

Propósito Geral: Doutrinário.

Tema Específico: O amor é um dever de todo cristão.

Idéia Central do Sermão: Este texto bíblico contém uma grande e surpreendente verdade:

O AMOR É UM DEVER DO CRISTÃO GENUÍNO!

Frase de Efeito: O AMOR É UM DEVER CRISTÃO GENUÍNO!

Que coisa esquisita, não é mesmo, pensar no amor como um dever?

Pergunta de Ligação: – Segundo este texto, o que torna o amor um dever? Creio que podemos dizer que são as DIMENSÕES do amor de Deus que o tornam um dever:

1a. DIMENSÃO: A PROCEDÊNCIA DO AMOR (vs 7-8)
Tema do Meio:          A procedência do amor.
Explicação:                Deus é amor e o amor procede de Deus. Todo aquele que ama é nascido de Deus (procede de Deus). Logo, todo aquele que conhece a Deus tem o dever de amar.
Ilustração:                _____________________________________________
Fundamentação:      _____________________________________________
Opinião Contrária: _____________________________________________
Ponto-Cruz:             _____________________________________________
Glorificação:            _____________________________________________
Aplicação:                
_____________________________________________
Apelo do Meio:        
_____________________________________________

2a. DIMENSÃO: A MANIFESTAÇÃO DO AMOR (vs 9)
Tema do Meio:          A manifestação do amor.
Explicação:                Jesus Cristo é a manifestação do amor de Deus. Deus enviou seu Filho para vivermos por meio dele. Para  viver por meio dele, devemos amar, pois Jesus é amor.
Ilustração:                _____________________________________________
Fundamentação:      _____________________________________________
Opinião Contrária: _____________________________________________
Ponto-Cruz:             _____________________________________________
Glorificação:            _____________________________________________
Aplicação:                 _____________________________________________
Apelo do Meio:         _____________________________________________

3a. DIMENSÃO: A ESSÊNCIA DO AMOR (vs 10)
Tema do Meio:          A essência do amor.
Explicação:                O amor é, essencialmente, DOAÇÃO. Deus nos amou primeiro e deu Seu Filho como propiciação pelos nossos pecados. Se somos filhos de Deus, devemos, amar – DOAR.
Ilustração:                _____________________________________________
Fundamentação:      _____________________________________________
Opinião Contrária: _____________________________________________
Ponto-Cruz:             _____________________________________________
Glorificação:            _____________________________________________
Aplicação:                 _____________________________________________
Apelo do Meio:         _____________________________________________

4a. DIMENSÃO: A IMPLICAÇÃO DO AMOR (vs 11)
Tema do Meio:          A implicação do amor .
Explicação:                A implicação do amor é a RETRIBUIÇÃO. Se Deus nos amou de tal maneira (dando Seu Filho para morrer em nosso lugar), devemos nós também amar uns aos outros. Devemos, de alguma forma, retribuir tanto amor.
Ilustração:                _____________________________________________
Fundamentação:      _____________________________________________
Opinião Contrária: _____________________________________________
Ponto-Cruz:             _____________________________________________
Glorificação:            _____________________________________________
Aplicação:                 _____________________________________________
Apelo do Meio:         _____________________________________________

5a. DIMENSÃO: A CERTEZA DO AMOR (vs 10 )
Tema do Meio:          A certeza do amor.
Explicação:                A certeza do amor é o AMOR FRATERNAL.
Como podemos ter certeza que amamos a Deus, se não podemos vê-lo ou abraçá-lo? Deus mesmo nos dá a resposta: Devemos amar aos nossos irmãos, pois a estes podemos ver e abraçar. Se agirmos assim, Jesus nos garante que permanece em nós. O amor permanece em nós. E em nós é aperfeiçoado.
Ilustração:                _____________________________________________
Fundamentação:      _____________________________________________
Opinião Contrária: _____________________________________________
Ponto-Cruz:             _____________________________________________
Glorificação:            _____________________________________________
Aplicação:                 _____________________________________________
Apelo do Meio:         _____________________________________________

Conclusão:
Devidos às suas fantásticas DIMENSÕES, o amor de Deus torna-se um dever para todos aqueles que professam ser filhos de Deus, que têm Jesus Cristo em seus corações.

Apelo Final:     _____________________________________________


DEUS SEJA LOUVADO!


Autoria: Pr Ronaldo Alves Franco

13.02.2007

O amor é um dever cristão genuíno, O amor é um dever cristão genuíno, O amor é um dever cristão genuíno, O amor é um dever cristão genuíno, O amor é um dever cristão genuíno