A minha missão é só minha e de mais ninguém

A minha missão é só minha e de mais ninguém

A MINHA MISSÃO É SÓ MINHA E DE MAIS NINGUÉM

A minha missão é só minha e de mais ninguém

Texto-base: Marcos 1.35-42
Objetivo do sermão: Consagratório.
Assunto Principal do Texto: Jesus cumpriu a sua missão (vs 38b).

Mensagem de Deus: Cada cristão precisa cumprir a missão (ou as missões) que Deus tem designado para si.

Frase de Efeito: A MINHA MISSÃO É SÓ MINHA, DE MAIS NINGUÉM

Pergunta Auxiliar: – Quais foram os SEGREDOS de Jesus, que permitiram que Ele cumprisse a sua missão?

PRIMEIRO SEGREDO: INTIMIDADE COM O PAI – vs. 35.

A minha missão é só minha e de mais ninguém

Explicação: Jesus acordou bem cedo (ainda era noite), procurou um lugar deserto, e ali orava. Ele tinha e mantinha um relacionamento real e verdadeiro com o Pai. Não podia iniciar seu dia sem dedicar um tempo de oração.
Ilustração: Deus sempre está muito ocupado, cuidando de tudo o tempo todo, mas, mesmo assim, Ele sempre encontra espaço em sua agenda para ouvir a nossa oração, quando nos aproximamos dele. Será que somos mais importantes ou mais ocupados que Ele?

Fundamentação: I Ts 5.15: “Orai sem cessar”.

Ponto-Cruz: Até na hora do seu sofrimento na cruz, Jesus ainda demonstra intimidade com o Pai (“Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito”).

Aplicação: Quanto mais ocupado será o seu dia, mais tempo de oração você precisará dedicar ao acordar, ou antes de ir dormir.

Apelo do meio: Não deixe Deus fora da sua agenda, pois Ele nunca deixa você fora da agenda dele.

SEGUNDO SEGREDO: SENSO DE PRIORIDADE – vs 38-39.

A minha missão é só minha e de mais ninguém

Explicação: O ministério de Jesus lá em Cafarnaum estava indo muito bem. Pessoas vinham de todas as partes para serem tocadas e curadas por Ele. Era uma situação confortável, mas Jesus não veio a este mundo apenas para curar. Naquele momento a sua prioridade era pregar o Seu evangelho para o maior número de pessoas possível (vs 38b). Ele sabia das suas prioridades, por isso, deixou o conforto de Cafarnaum e saiu à pé, para ir pregar o evangelho em outros lugares.

Ilustração:

Fundamentação: Hb 3.13, I Pe 1.17.

Ponto-Cruz: _____________________________________________

Aplicação: Se também queremos cumprir a missão que Deus tem-nos designado, devemos deixar de lado o nosso conforto e parar de perder tempo com distrações bobas. Devemos priorizar o que é importante.

Apelo do meio: _____________________________________________

TERCEIRO SEGREDO: COMPAIXÃO – vs 41.

A minha missão é só minha e de mais ninguém

Explicação: Apesar da estar buscando cumprir suas prioridades, ao olhar a situação de exclusão social e profundo sofrimento físico e mental daquele leproso, Jesus, movido de compaixão, parou tudo o que estava fazendo, estendeu a sua mão, tocou e curou o doente.
Ilustração:

Fundamentação: Lc 10.33.

Ponto-Cruz: A cruz é a prova maior da compaixão de Deus por nós.

Aplicação: Não importa o quanto estamos ocupados, devemos [e podemos] parar o que estamos fazendo para socorrer uma pessoa que está sofrendo, mas só conseguiremos agir como o Mestre se sentirmos a mesma compaixão que Ele sentia.

Apelo do meio: Olhe as pessoas que estão sofrendo, caídas nas sargetas, drogadas, prostituídas, depressivas, angustiadas, desesperadas… Olhe, páre, estenda a mão, toque, cure. A vida é mais importante que a nossa agenda e as nossas prioridades.

CONCLUSÃO

Se queremos cumprir a missão (ou as missões) que Deus tem designado para nós, precisamos entender e interiorizar os segredos de Jesus, que o levaram a cumprir sua dificílima missão. E os seus segredos são:
– Intimidade com o Pai.
– Senso de prioridade.
– Compaixão.

APELO FINAL

A minha missão é só minha e de mais ninguém
Autor: Pr Ronaldo Franco

A minha missão é só minha e de mais ninguém
Novembro 2009

A minha missão é só minha e de mais ninguém

 

2 Comentários em “A minha missão é só minha e de mais ninguém”

  1. Kurt

    Caraca, legal o artigo bem explicado, gostei.
    Muito legal mesmo, tirou minhas duvidas, vou recomendar seu artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *