Converteu-se no púlpito!

CONVERTEU-SE NO PÚLPITO!

Caso curioso deu-se com o Reverendo William Haslam.

Ordenado ao ministério pela igreja da Inglaterra, em 1842, serviu numa paróquia em North Cornwell, tornou-se competente tractariano, perito em antiquariato e arquitetura, mas não se sentia satisfeito, pois sua experiência pessoal com Deus resumia-se aos rituais que aprendeu e praticou desde a infância.

Mas, um dia, nove anos depois de sua ordenação, em 1851, enquanto pregava sobre um texto do evangelho (“O que vocês pensam de Cristo?”), o Espírito Santo abriu-lhe os olhos para enxergar o Cristo de quem falava, e o coração, para crer nEle.

A mudança que lhe sobreveio foi tão obvia que um pregador local que visitava a igreja, se pôs em pé e gritou: “O pastor se converteu! Aleluia!”, e de imediato sua voz se perdeu em meio aos louvores de 300 ou 400 pessoas que estavam na congregação.

A noticia se espalhou como rastilho de pólvora: “O pastor se converteu por meio da sua própria pregação no seu próprio púlpito”. 

Sua conversão foi o inicio de um grande avivamento na paróquia, que durou quase três anos com um senso vivido da presença de Deus, havendo conversões quase todos os dias, e em anos posteriores Deus o chamou para um ministério muito incomum de levar muito de seu colegas clérigos ao relacionamento pessoal com Jesus Cristo.


Os tais não nasceram do sangue,
nem da vontade da carne,
nem da vontade do homem, mas de Deus.
João 1.12-13

www.SitedoPastor.com.br

Colaborador: Pr João Ferreira da Costa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *