A rã e o escorpião

A RÃ E O ESCORPIÃO

Um escorpião pediu para uma rã ajudá-lo a atravessar o rio, pois não sabia nadar.

A rã negou-se. Tinha muito medo do famoso veneno do ferrão do escorpião.

No entanto, ele argumentou com ela: Não tenha medo, Dona Rã… se eu atacar você, ambos morreremos afogados. E eu não quero morrer.

E assim a convenceu.

O escorpião subiu nas costas da rã e enquanto ela nadava ficou observando o movimento de seus músculos. Mais ou menos na metade da travessia o escorpião feriu-a com seu ferrão.

Já sentindo as dores do veneno e quase sucumbindo, a rã diz ao escorpião: “Por quê fez isso, seu louco? Agora nós dois vamos morrer”.

O escorpião lhe respondeu: “Desculpe-me, não pude evitar… é a minha natureza”.

www.SitedoPastor.com.br

Autor desconhecido

6 Comentários em “A rã e o escorpião”

  1. Mário

    É da natureza do ser humano tbm, porque muitas vezes vc faz o bem e ele corresponde com a maldade, a indiferença, a ingratidão…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *